Orçamento para Marketing digital, o que não pode faltar?

Muitas pessoas afirmam que a internet é um meio de comunicação democrático, onde todos a utilizam esta ferramenta livremente. Até ai nada de inverdade, não é? Mas o problema de verdade surgiu quando as empresas acharam que fariam marketing gratuito, sem investir nada e teriam um grande retorno. É lógico que existem situações onde o mais importante é a criatividade e não investimento em si. Porém, o marketing digital demanda sim investimentos, que se bem aplicados, trazem resultados proporcionais aos valores investidos.

O que é lógico é que o grande diferencial do marketing digital é que você não precisa ter um império para conseguir efetuar campanhas de fato eficazes, como geralmente acontece com a televisão por exemplo. O marketing digital é muito mais democrático que a grande maioria das mídias sociais, porém ele precisa sim de investimento. A questão toda do orçamento e do investimento a ser aplicado é que no marketing digital eles são de fácil controle e nem sempre precisam ser grandes. Pequenas empresas, com pouco investimento conseguem bons níveis de retorno de campanhas de marketing digital sem tantos investimentos.
Veja que aspectos devem ser levados em conta na hora de montar o seu orçamento para as campanhas de marketing digital. Tome muito cuidado para que todas elas estejam de fato discriminadas, pois isso evita surpresas futuras.

1. Site: qualquer empresa que queira estar presente no mundo digital precisa ter um site no mínimo navegável. Por isso, ele deve ser feito de maneira minimamente profissional. Sites com hospedagem gratuita, por exemplo, podem dar uma ideia de desleixo. Além disso, o site precisa ter um design agradável. Você não precisa de nada gritante, exagerado. Existem diversos temas gratuitos ou baratos que podem ser usados para que você tenha um layout agradável. O maior problema das empresas em relação aos sites é o fato de elas, em certas situações, não contarem com profissionais para construir e manter o site. Desta forma, os erros constantes de acesso, os problemas de navegabilidade, os populares bugs se tornam comuns e vão aos poucos corroendo a reputação da empresa no mundo digital. Outro fato que diz respeito ao site é que ele precisa ser adequado ao mundo mobile, ou falando mais tecnicamente, precisa ser responsivo para ser acessado em tablets e celulares.
2. Equipe: achar que trabalhar com marketing digital não requer uma equipe é um problema comum. Muitas vezes, principalmente nas empresas pequenas, um funcionário que já tem outras funções, acaba sendo incumbido de elaborar e pôr em prática as estratégias de marketing digital. O problema é que isto requer um conhecimento muito amplo, desde a parte técnica até os conhecimentos em persuasão, escrita, edição, marketing em geral e muito mais. Dificilmente você terá em sua empresa alguém com tantas capacidades e que ainda consiga ser tão produtivo a ponto de manter uma boa presença no mundo virtual. Lembre-se que marketing digital é sinônimo de muito trabalho. Somente quem de fato entra de cabeça nesta modalidade consegue bons resultados, pois aqui não existe espaço para “meia vontade”. Por isso, se não tiver em sua equipe pessoas habilitadas para isso, procure uma agência de marketing digital, que poderá resolver seus problemas.
3. Ferramentas: o marketing digital precisa de ferramentas para que ele seja de fato eficiente. De maneira geral existem dois tipos de ferramentas, as verticais, que tem como objetivo atender a uma demanda específica e as ferramentas horizontais, que englobam todas as estratégias. A primeira não necessita de tantas ferramentas, mas também é de mais difícil estruturação no sentido mais amplo. Já as ferramentas horizontais precisam de ferramentas mais complexas, como landing pages, e-mail marketing, SEO avançado e muito mais.
4. Verba para anúncios: não que toda empresa precise de fato pagar por links e anúncios, mas com certeza os resultados serão muito maiores utilizando estas ferramentas. Com certeza que a busca do marketing digital deve estar focada no crescimento orgânico, mas este, muitas vezes é demorado e os resultados aparecem aos poucos. Por isso, investir em verba para anúncios pode ser uma excelente maneira de alavancar suas estratégias, principalmente na fase inicial. Existem uma grande infinidade de investimentos deste porte que podem ser feitos, mas o principais são o Google Adwords, Facebook Ads e Linkedin Ads.

Como as empresas na grande maioria dos casos não dispõe de toda esta estrutura em seu quadro de funcionários, no geral, o mais viável é a utilização de agências de marketing digital. Com uma agência competente e reconhecida no mercado, você terá apenas o trabalho de escolher as estratégias que quer adotar, contando com a experiência de quem entende deste tipo de mercado. Por isso, ao estabelecer o orçamento, verifique o custo de contratar uma empresa de marketing digital e verá que na grande maioria dos casos, o custo benefício é muito mais viável terceirizando este processo.


<< voltar